terça-feira, 13 de julho de 2010

Redes sociais:

Redes sociais aparecem em 80% dos divórcios nos EUA

Tudo que disser em seu perfil no Facebook pode ser usado contra você no tribunal. Pelo menos nos Estados Unidos, onde provas coletadas no principal site de relacionamentos do mundo cada vez mais têm sido aceitas em processos de divórcio e separações.


De acordo com a Associated Press, redes sociais são atualmente a fonte favorita de advogados especializados em separações. De fato, nota o site Mashable, é farta a quantidade de informações pessoais comprometedoras compartilhadas em alguns sites.


Há, por exemplo, a mãe que perdeu a custódia dos filhos por negligência, deixando o registro de quantas horas passava no Farmville ou o marido que negava ser agressivo, mas deixava mensagens violentas em seu perfil no Facebook. Ambos os casos ocorreram nos Estados Unidos, mas é cada vez mais comum a Justiça de outros países aceitar informações coletadas online como provas, especialmente em casos de infidelidade.


A Academia Americana de Advogados de Matrimônio disse à Associated Press que chegam a 81% do total as separações em que sites de relacionamento serviram como fonte de provas. Facebook, Twitter e YouTube são os mais frequentes. Na Inglaterra, segundo o <>Mashable, o Facebook, sozinho, aparece em 20% dos casos.

0 comentários:

Template - Dicas para Blogs