segunda-feira, 21 de junho de 2010

Coração...

De vez em quando, devemos tirar o coração, libertá-lo do bombardeamento de pensamentos que o nosso cérebro lhe manda.


Há pensamentos que são agulhas de cactos que se espetam e não se conseguem tirar sem dor.
Há pensamentos como parasitas que se agarram, absorvem a nossa energia e não conseguimos arrancar.


Há pensamentos que são como panos negros que assombram os momentos felizes presentes.
Há pensamentos invasores que nos desconcentram.
Há pensamentos que nos rasgam e nos deixam a sangrar.



De vez em quando, devemos tirar o coração, esvaziá-lo de pensamentos e deixá-lo repousar…
 e depois, quando ele estiver mais descansado, voltar a colocá-lo no peito…

0 comentários:

Template - Dicas para Blogs